sábado, 3 de agosto de 2013

Polícia pede prisão preventiva de suspeito de ter esquartejado

A equipe de reportagem do jornal O Imparcial em contato com o delegado Marcos Antônio da Delegacia de Homicídios, que confirmou da detenção de uma pessoa com fortes suspeitas de ter cometido o homicídio de Francisco João de Sousa, de 32 anos. A vítima foi morta e teve partes do corpo escondida dentro de uma mala, no dia 21 de julho, na Rua 11 de Outubro no Bairro do Monte Castelo. A cabeça da vítima e os pés, só foram encontrados no início da tarde de segunda-feira (22), a cerca de 50 metros do local.

O delegado Marcos Antônio que preside o inquérito, confirmou que tem uma pessoa detida, mas que ainda não pode revelar o nome e nem características da investigação, pois o inquérito corre em sigilo de justiça. As únicas informações repassadas seriam que o suspeito trabalhava como operário e saiu da penitenciária a uns quatro meses, por conta de uma pena de nove anos, que cumprira por homicídio, e que as características deste homicídio teria sido do mesmo ‘’Modus operandi’’ do crime cometido contra a vida de Francisco João de Sousa, no Bairro do Monte Castelo. Foi-nos informado também que o suspeito reside a algumas quadras de onde foi encontrado a mala, e o restante do corpo de Francisco de Sousa.

De acordo com o delegado, as investigações estão sendo direcionadas no envolvimento do suspeito, por conta de imagens do vídeo Monitoramento da SSP, que mostram o suspeito e a vítima se deslocando na Avenida Jerônimo de Albuquerque, logo depois de saírem do canteiro de obras. As autoridades já pediram a prisão preventiva do suspeito.( POSTADO)POR carlinhospaxnoticias 03/08/2013


                     ESSE SIM É O BLOG DO POVO ...



0 comentários :

Postar um comentário